segunda-feira , setembro 28 2020

Governo analisa pedido de supermercados para venda de remédios sem prescrição

A venda de medicamentos por supermercados e outros estabelecimentos que não farmácias foi vetada em 2012 durante governo da ex-presidente Dilma Rousseff, que citou na ocasião do veto risco de automedicação e uso indiscriminado de medicamentos. Mas parece que essa decisão pode mudar no atual governo.

O presidente Michel Temer disse que examinará um pedido recebido do setor supermercadista para a venda de medicamentos que não exigem prescrição médica. “Levarei em conta essa proposta de tentar vender aqueles medicamentos que não exigem prescrição médica, vou examinar esse assunto”, revelou.

 

Veja Também

Proposta determina que o poder público pague o sepultamento de vítimas do coronavírus

O Projeto de Lei 1662/20 determina que o manejo do cadáver e o sepultamento ou …