UFPI aprova Plano de Integridade

Com a aprovação do Plano pelo Comitê Interno de Governança em 15 de março, a UFPI se notabiliza por ser umas das primeiras universidades do País a cumprir essa exigência dos órgãos externos de controle demandados a órgãos e instituições da Administração Pública Federal. Além disso, o Plano de Integridade faz parte do Planejamento de Gestão da UFPI.

O Plano de Integridade da UFPI traz, sobretudo, o desenho de novas práticas de gestão de pessoas na Instituição após mapeamento de todos os setores da Universidade. O objetivo é prevenir condutas não éticas, que resultem no desperdício de recursos financeiros, mau uso de equipamentos e infraestrutura da Universidade e que possam afetar o bom andamento das atividades na UFPI.

A Profa. Dra. Regina Ferraz Mendes Viana, Diretora de Governança/Proplan, explica que a maioria das ações apresentadas no Plano de Integridade diz respeito a mudanças de comportamento de servidores e/ou da comunidade, num esforço de aperfeiçoamento e vigilância para melhoria das práticas dentro da instituição.

“Foi realizado um estudo completo em reuniões com representantes das principais unidades da UFPI: pró-reitorias, superintendências, direções de centros, e fomos mapeando um conjunto de situações que tem relação principalmente com algum tipo de conflito, de possibilidade de danos à integridade. Verificamos que o risco à integridade na UFPI é relacionado principalmente a pessoal, por envolve algum tipo de comportamento do servidor público e da comunidade em geral. E realizamos esse monitoramento para saber onde a Universidade precisa atuar para se tornar mais efetiva, para não investir esforços em eventos de pouco impacto ou que raramente podem acontecer”, disse.

O trabalho para construção do Plano mapeou os eventos conforme riscos que apresentam à integridade: alto, médio ou baixo, além de mensurar possíveis impactos desses riscos. “Verificamos que a maioria dos nossos riscos já estão sendo bem administrados pela UFPI, amparados na eficiência de mecanismos internos de controle. Precisamos, no entanto, fortalecer o controle de situações que podem resultar em alguns riscos. E, na UFPI, no geral, os eventos são de médio a baixo risco à integridade”, avalia a Profa. Regina Ferraz.

Com informações da UFPI

Veja Também

UFPI oferta 2.888 vagas para ingresso via SISU no Primeiro Semestre de 2021

A distribuição detalhada das vagas por curso e campus está informada no Termo de Adesão, assinado …