terça-feira , setembro 28 2021

Uniformes de alunos de Teresina devem ter dentificação do grupo sanguíneo e fator RH

Sancionada a Lei de autoria da vereadora Graça Amorim que torna obrigatória a identificação do grupo sanguíneo e fator RH nos uniformes dos alunos matriculados no ensino fundamental e médio da rede pública e privada do Município de Teresina. A identificação deve ser afixada em local visível do uniforme, de preferência na parte superior da frente, à direita. No caso do setor privado, ficará a cargo das escolas particulares a definição da melhor opção.
 
O objetivo do projeto é permitir maior celeridade em caso de necessidade de atendimento. “É uma medida preventiva”, frisa a vereadora, alertando para o fato de que não saber o grupo sanguíneo e o fator RH de uma pessoa pode retardar seu atendimento a ponto de colocá-la sob risco de morte. 
 
” Acidentes ou atropelamentos acontecem com frequência com pessoas desta faixa etária. A adoção desta medida facilitará a assistência aos alunos em caso de ocorrência de emergência, contribuindo para facilitar o atendimento dos profissionais da área de saúde”, reitera.
Fonte: Ascom

Veja Também

Abertas inscrições para mestrado em Matemática

Período vai até 25 de outubro e a oferta é para professores da educação básica …