Eficiência na solução de problemas

O trabalho engloba as áreas do Direito do Consumidor, Civil e Público. A ideia é se especializar para trabalhar bem e solucionar problemas, o mais rápido possível. Assim pode ser definida a atuação do escritório Ricardo Ilton Advogados. Tamanho esforço no trabalho traz como resultado uma boa gestão e eficiência na produção de resultados.

“Tudo começa pela gestão. Planejamos, organizamos e controlamos todos os processos internos e externos da organização para que possamos funcionar com eficácia e assim atingir todos os objetivos e metas da empresa”, ressaltou Ricardo Ilton.

A equipe do escritório aposta em inovação para atender as necessidades dos clientes. “Isso é uma característica nossa, desde o início, quando éramos apenas um escritório baseado no Direito Administrativo e do Consumidor”, disse o advogado.

“Continuamos a vender ideias, vender soluções. Essa é a filosofia. O advogado que não estudar, não tiver ciência de oferecer ao cliente caminhos e soluções para resolver suas questões, não vai conseguir estabilidade”, afirmou.

O modo de trabalho tem trazido reconhecimento e muitas premiações, como “Melhor Advogado do Brasil 2005”, que foi concedido pela Norberto Gauer Eventos Internacionais. Ilton também foi considerado “Destaque Empresarial Internacional 2010 – Qualidade & Tecnologia, evento organizado pela Associação dos Empresários do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e Mercosul.

Em 2013, o advogado foi agraciado com o Troféu Giuseppe e Anita Garibaldi, concedido pela Diretoria e o Conselho Superior do Instituto Giuseppe e Anita Garibaldi. Uma vitória que é destinada a todas as pessoas que contribuem para o desenvolvimento da sociedade. Detalhe: o nome de Ricardo Wilton esteve entre 500 indicações para a premiação.

A filosofia de trabalho em que a maior satisfação é ver a felicidade dos clientes tem feito a diferença. No escritório, a missão é fazer com que as pessoas saiam da situação que se encontram e consigam resolver suas dificuldades.

“A satisfação dos clientes é nosso motor de trabalho e quando isso vem acompanhado de prêmios, qualifica ainda mais um escritório de advocacia”, definiu Ricardo Ilton, acrescentando que não existe advocacia sem estudo, sem conhecimento. “É trabalhar todos os dias, e até nos feriados. Não se chega em casa e deixa de ser advogado, não dá para ficar sem ler nada. Temos que nos aprimorar sempre”, finalizou.

Veja Também

Cessão de crédito sem anuência de advogados altera cálculo de honorários

A 4ª turma do STJ decidiu em julgamento que honorários advocatícios devem ser calculados com …