segunda-feira , setembro 28 2020

Yduqs estuda entrar na briga pela Laureate após oferta da Ser

Universidade, ex-Estácio, diz acreditar ter condições de fazer uma proposta mais atraente do que a de 4 bilhões de reais da Ser

A universidade brasileira Yduqs (antiga Estácio de Sá) estuda fazer uma proposta pelos ativos da americana Laureate no país após a Ser Educacional anunciar um acordo para comprar a concorrente, que inclui as unidades do Centro Universitário FMU e da Universidade Anhembi Morumbi (UAM), em São Paulo.

“Considerando a publicação da potencial transação de aquisição pela Ser Educacional dos ativos da Laureate no Brasil, conforme Fato Relevante publicado em 13 de setembro de 2020, estamos aprofundando o entendimento dos referidos ativos e acreditamos ter condições de apresentar proposta concorrente mais atraente”, disse a Yduqs em comunicado ao mercado financeiro na manhã desta segunda-feira, 14. “Os dados públicos divulgados da transação demonstram um forte potencial estratégico e de geração de valor que as nossas empresas combinadas teriam.”

A Yduqs considera interessante a localização dos ativos da Laureate, em “regiões de influência importantes” para a sua atuação, como São Paulo e a região sul do país, de acordo com o plano de expansão da universidade. “Dados públicos também demonstram outra vertente importante de crescimento com suas vagas em cursos de medicina.”

A Ser anunciou ontem a incorporação de todas as operações brasileiras da Laureate por um valor estimado em 4 bilhões de reais, incluindo um pagamento em dinheiro de 1,7 bilhão de reais e a entrega de 44% das ações da nova companhia à Laureate.

Com 50 campi universitários e atuação em sete estados, a Laureate tem cerca de 267 mil estudantes no Brasil. A conclusão do negócio depende da aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Indo adiante, faria da Ser a quarta maior empresa de ensino superior do país, com aproximadamente 450 mil alunos nas modalidades de ensino presencial e a distância.

Já a Yduqs tem 119 campi, 1.225 pólos de educação a distância e 750 mil alunos, sendo 5 mil só de medicina.

Veja Também

Quem é a mulher que comanda TikTok em momento mais difícil

Vanessa Pappas teve de assumir rede social chinesa às pressas, depois que Kevin Meyer deixou …