quarta-feira , outubro 27 2021

Sete produtos (ótimos) de se vender no e-commerce

Nicho. Há muito se fala essa palavra e seu poder no comércio eletrônico. De acordo com a Wikipedia, nicho é descrito como “segmentos ou públicos cujas necessidades particulares são pouco exploradas ou inexistentes. A estratégia de aproveitamento de nichos está justamente na identificação das bases de segmentação que, quando explorados, representam o diferencial ou vantagem competitiva à empresa (ou pessoa)”. Diz tudo.

Enquanto grandes grupos pressionam as margens dos fornecedores para reduzir preços, numa luta ferrenha – e perigosa – para conquistar compradores de produtos best sellers, de outro lado, micro e pequenos empreendedores conseguem tirar seu sustento explorando nichos.

Não basta ser uma loja virtual de nicho, é preciso que os produtos tenham algumas características que tragam mais vantagens em vende-los à distância. Segue a lista:

  1. Medicamentos – Vantagens: baixo peso e cubagem. Alto valor agregado. Alta frequência de compra. Desvantagem: são commodities. Média concorrência
  2. Biquínis e Lingerie – Vantagens: baixo peso e cubagem. Alto valor agregado. Média frequência de compra. Não são commodities. Desvantagem: alto investimento em marca. Perdas com trocas. Média concorrência
  3. Bijuterias – Vantagens: baixo peso e cubagem. Médio valor agregado. Média frequência de compra. Desvantagem: perdas com trocas. Baixa concorrência
  4. Conteúdos digitais – Vantagens: peso e cubagem inexistentes. Alta frequência de compra. Facilidade de distribuição. Desvantagem: baixo valor agregado. Pirataria. Alta concorrência
  5. Artesanatos e objetos de decoração – Vantagens: médio peso e cubagem. Médio valor agregado. Baixa competitividade (produtos exclusivos). Desvantagem: baixa frequência de compra. Baixa concorrência
  6. Perfumes – Vantagens: baixo peso e cubagem. Alto valor agregado. Média frequência de compra. Desvantagem: São commodities. Alta concorrência.
  7. Alimentos diferenciados (gourmet, dietas especiais) – Vantagens: médio peso e cubagem. Médio valor agregado. Baixa competitividade (produtos exclusivos). Alta frequência de compra. Desvantagem: particularidades de armazenagem, manuseio e perecíveis. Baixa concorrência.

 

Fonte: Revista do Comércio

 

Veja Também

Conheça as empresas marketing multinível mais confiáveis e eficientes

As empresas marketing multinível em todo o Brasil vêm, cada vez mais, mostrando como é …