Ministério da Saúde vacina voluntários que irão atuar no estado

Ação é parte de uma série de medidas para proteger a saúde dos profissionais e da população durante o período de calamidade

Em uma ação conjunta, o Ministério da Saúde e o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) vacinaram, na terça-feira (4), em Brasília, mais de 40 voluntários que irão atuar no Rio Grande do Sul. Os profissionais serão enviados para fortalecer e prestar assistência no Cadastro Único (CadÚnico), sistema que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda para inclusão em programas sociais do Governo Federal.

A  vacinação, realizada em parceria com autoridades locais de saúde, teve como objetivo garantir a proteção dos voluntários contra doenças infecciosas, permitindo que eles possam desenvolver as atividades com segurança.

“Essas medidas visam não só proteger a saúde dos voluntários e da população afetada, mas, também, garantir que a assistência social e o suporte governamental sejam realizados de forma segura e eficiente, minimizando os riscos de doenças nas áreas atingidas”, disse o diretor do Departamento de Emergência em Saúde Pública (DEMSP), Marcio Garcia.

No momento, o ministério recomenda a imunização da população gaúcha, dos voluntários e profissionais contra influenza e covid-19, além de tétanohepatite A e raiva. O governo também monitora casos de leptospirose e outras doenças que podem surgir em decorrência da contaminação da água.

Marcella Mota
Foto:André Oliveira/MDS/Divulgação

Fonte:Ministério da Saúde

Veja Também

Especialistas alertam: hipertensão arterial também ocorre na infância

Alerta é feito no Dia Mundial da Hipertensão Arterial, comemorado hoje Embora a hipertensão arterial …