Central de Artesanato enfrenta momento complicado

A Central de Artesanato Mestre Dezinho passa por uma reforma desde 2017. O mais complicado é que a obra parou de vez.

O que tem afastado clientes. Em alguns dias da semana, o local fica praticamente deserto.

A reforma está orçada em R$ 1.490.112,50 e vai mudar todo o prédio.

A Secretaria do Estado de Cultura (Secult) informou que a obra ainda não foi concluída devido à reforma administrativa proposta pelo governador Wellington Dias e encaminhada para a Assembleia Legislativa do Piauí

Veja Também

Inscrições para Olimpíadas de Língua Portuguesa vão até 30 de abril

O concurso, em sua 7ª edição, é uma iniciativa do Itaú Social e do Ministério …