Thaila Ayala lança marca de roupas vir.us, é criticada e muda o nome

A marca vir.us aproveitou o momento da pandemia do novo coronavírus para falar do “vírus do amor”, mas não foi bem aceita nas redes sociais

A atriz Thaila Ayala estava sendo criticada nas redes sociais após lançar uma marca de roupas chamada vir.us.

A marca aproveitou o momento da pandemia do novo coronavírus para falar do “vírus do amor”, conforme publicado no Instagram e, posteriormente apagado:  “Um vírus fez estremecer o planeta, fechar fronteiras, monitorar governos, segregar pessoas, amedrontar consciências e trancar portas. Imagina quando for o vírus do amor, da empatia e da união entre todos os seres?”

Após receber críticas, alguns posts, aparentemente, tiveram os comentários fechados. Na página pessoal da atriz, os amigos elogiaram a iniciativa.

Entre as críticas há mensagem como “Esse dinheiro será revertido para algum projeto ou só vai deixar vocês mais ricos enquanto tem gente morrendo?”.

No ínicio da tarde desta segunda-feira, porém, a atriz anunciou a mudança de nome para amar.ca. Os produtos têm preço a partir de 137 para uma camiseta, por exemplo. O casaco custa 367 reais.

Coronavírus

O Brasil segue entre os países mais afetados pela pandemia, sendo o segundo em número de casos (691.758) e em terceiro em número de mortos (36.455), de acordo com o balanço oficial do Ministério da Saúde. Na noite de ontem, o ministério primeiro divulgou 1.382 mortos em 24h, e depois anunciou outro número, de 524 mortos.

 

Exame

Veja Também

Profissionais liberais e Marketing Digital na crise

A crise tem diferentes impactos para os vários segmentos da sociedade. Invariavelmente um cidadão terá mais …