quinta-feira , outubro 29 2020

Sesc traz palestra gratuita de formação humanista para professores de Teresina

O Serviço Social do Comércio no Piauí (Sesc/PI) juntamente com a Fundação Logosófica de Teresina vai trazer para a capital uma palestra gratuita de formação humanista a fim de capacitar professores do Sesc e de escolas da rede pública ou particular. O evento acontecerá a partir das 15h no dia 28 de setembro, no auditório do Senac, localizado na Zona Norte da cidade, e trará um palestrante de Belo Horizonte para realizar a formação, que também é aberta à sociedade.
Com o tema “A contribuição da escola e do professor para a formação humanista das novas gerações”, a palestra visa conscientizar os profissionais a respeito da importância de ir além do repasse de informação nas escolas e cursos de educação. Conforme explica o advogado e presidente regional do Sesc/PI, Campelo Filho, é se preocupar também com a formação pessoal e humana dos jovens.
“Hoje, o que percebemos é que as escolas têm um caráter muito de informação e a formação humanista tem deixado a desejar. Por isso que nossos jovens estão cada vez mais estressados, depressivos, porque é uma quantidade de informação muito grande jogada para eles em sala de aula. Essas informações são importantes, sem dúvida, mas se não forem dosadas com uma formação baseada em valores éticos e morais, de nada vai adiantar”, enfatiza Campelo.
Para realizar a formação, o Sesc/PI convidou o empresário, engenheiro e docente da Fundação Logosófica de Belo Horizonte, professor Antônio Carlos Cabral.  Ele também é membro da Academia de Letras e do Conselho Empresarial de Educação da Associação Comercial de Minas Gerais e possui pós graduação na área da educação.
O presidente do Sesc/PI acredita que, formando inicialmente os professores, esta capacitação será estendida aos jovens alunos. É por este motivo que a instituição tem buscado realizar cursos e trazer capacitação aos profissionais de educação. Para ele, os professores e a sociedade só têm a ganhar participando do evento.
“É preciso que nossos jovens sejam conscientes da responsabilidade deles enquanto seres humanos, enquanto pessoas que vão amanhã construir família, ocupar postos de trabalho, governarem, enfim, é preciso capacitá-los para que estejam conscientes dessa responsabilidade para com a sociedade e o mundo. Assim, contribuimos para formação de uma sociedade e um mundo muito melhor”, argumenta Campelo.

Veja Também

Seduc realiza projeto Pré-Enem na Estrada em União e Fronteiras

Nesta sexta-feira (23), os alunos da cidade de União participam da revisão Pré-Enem na Estrada …