quinta-feira , setembro 24 2020

Procon Itinerante passa pelo extremo sul do Piauí e detecta graves problemas de fornecimento de energia

O MP em Ação – Procon Itinerante percorreu cidades do sul do Estado. São elas: Corrente, Parnaguá, Sebastião Barros, Cristalândia, São Gonçalo do Gurgueia e Riacho Frio. Durante os trabalhos, em parceria com a Ouvidoria do Ministério Público do Estado do Piauí (MPPI), verificou-se que são constantes reclamações sobre fornecimento de energia elétrica na região.

Moradores de São Gonçalo do Gurgueia relataram sucessivos problemas com falta, queda e oscilação de energia elétrica no município, causando transtornos e prejuízos aos consumidores e comerciantes da cidade e região. Atualmente, no município, está em construção o maior parque solar da América Latina com capacidade de geração 360GWh de energia fotovoltaica.

Durante as ações na cidade, o ônibus do Procon Itinerante ficou sem energia da rede, sendo necessário ligar o gerador do veículo para atender a população. Conforme relatos de consumidores, a falta de energia tem afetado também a comunicação, pois com o não fornecimento, também não há sinal da Vivo, única operadora operante na cidade e região.

O mesmo problema foi relatado por moradores de Sebastião Barros, Cristalândia e Riacho Frio. A Ouvidoria do Ministério Público recebeu ofício da Câmara Municipal de Cristalândia do Piauí, durante o trabalho na cidade, relatando problemas de baixa qualidade dos serviços e prática abusiva de corte de energia sem notificação prévia, contrariando regulamento previsto no artigo 173 da Resolução 414/2010 da Aneel.

O MPPI aguardará respostas da concessionária Equatorial e operadora Vivo para posteriores encaminhamentos.

Veja Também

Casos da covid-19 no Brasil caem 30%, diz Ministério da Saúde

Evolução semanal das mortes causadas pela doença recuou pela quarta semana consecutiva, para 5.007 óbitos …