Indústria propõe aumentar biodiesel no combustível

A Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), propôs um aumento na mistura de biodiesel no Centro-Oeste como forma de forçar uma redução no preço do combustível.  A proposta específica para a região se justifica por ser onde se concentram os estados com a maior produção de soja do país, o que daria capacidade para suprir a demanda.

De acordo com a proposta, o setor tem capacidade de fornecer biodiesel suficiente para elevar a mistura com o diesel dos atuais 10% para 15%. A entidade estima que a medida, no curto prazo, pode levar a uma redução de R$ 0,10 por litro nas bombas dos postos da Região Centro-Oeste e, por consequência, levar a uma redução no restante do país. “Já é mais do que a redução da Cide [Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico]”, disse o presidente-executivo da Abiove, André Nasser.

A entidade também propõe uma revisão das metas do Renovabio, atualmente em discussão no Ministério de Minas e Energia. O programa tem por objetivo aumentar a produção de biocombustíveis no Brasil, para que o país cumpra os compromissos assumidos no Acordo de Paris de redução das emissões de gases de efeito estufa. Entre outros pontos, o Renovabio busca reduzir em 10,1% as emissões de gases de efeito estufa na matriz de combustíveis até 2028.

Fonte: Agência Brasil

Veja Também

Unifacid oferece consultoria gratuita para Declaração do IR 2020

O prazo para a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2020 encerra no próximo …