quarta-feira , setembro 30 2020

Estrada de Nazária continua interditada

Pela gravidade da situação da PI-130, no sentido Nazária/Palmerais, na altura do Riacho dos Macacos, onde a força das águas destruiu parte da via e de uma ponte, o DER enviou equipe de técnicos, engenheiros e maquinário da construtora responsável pela recuperação do local.

De acordo com o diretor-geral do DER, Castro Neto, equipes foram prontamente ao local levantar a gravidade da situação, para imediatamente traçar o plano de reconstrução da ponte. “Já enviamos nossos profissionais da área de manutenção e conservação e, no momento, a estratégia é de aguardar que as águas diminuam, para posteriormente começarmos a verificar quais serviços devam ser recuperados, desde a fase de tubulação, drenagem, aterramento e recapeamento asfáltico dos trechos da via e da ponte”, explicou o diretor.

Até o momento, a via segue interditada e as equipes seguem no local para sinalizar e orientar moradores e condutores. Para os engenheiros do DER, a recuperação da ponte pode levar de cinco a sete dias, dependendo do fator climático.

“Caso as chuvas diminuam, iremos começar a recuperação pela parte subterrânea da ponte, revendo bueiros e recuperando o terreno, mas temos que aguardar as águas diminuírem, porque no local está tudo inundado. A partir daí se inicia a parte de recuperação estrutural da ponte e da rodovia”, pontuou Matias Sales, gerente de Engenharia do DER.

Veja Também

Proposta determina que o poder público pague o sepultamento de vítimas do coronavírus

O Projeto de Lei 1662/20 determina que o manejo do cadáver e o sepultamento ou …