Em reunião no Ministério Público DER alerta para novos alagamentos em Teresina

O anúncio aconteceu durante reunião entre Ministério Público e diversas entidades. O temor é de que os problemas de drenagem que existem na capital possam trazer maiores consequências, ainda mais nesse período de chuvas que vai se estender, de acordo com a meteorologia, até o final de abril no estado.

Diversos bairros foram alvos de inúmeros transtornos nos últimos dias. Árvores caíram, muro cederam, águas invadiram centenas de residências. Uma parte da população perdeu seus móveis e eletrodomésticos.

A inexistência de bueiros ou a pouca capacidade dos que foram construídos é apontada como a maior razão para os problemas de drenagem que existem na capital do Piauí. Bairros como Pedra Mole e a região da BR-316, na saída de Teresina, precisam urgentemente de melhorias. “Sobre as estradas, não descarto a possibilidade de novos problemas a curto prazo”, afirmou, em entrevista, o engenheiro do DER Matias Sales.

O mais delicado é que as enxurradas dificultam uma atitude a curto prazo. “Só após as chuvas é que vamos poder melhorar o que é preciso. Acredito que de maio em diante”, informou João Pádua, da SDU/Leste.

Segundo a Defesa Civil do município, cerca de 934 pessoas encontram se em situação de risco por conta das fortes chuvas. Ao todo, são 56 áreas de risco que estão sendo monitoradas nas zonas Norte, Sul, Leste, Sudeste e Rural da capital.

O promotor de justiça Sávio Carvalho informou que é necessário mais debates e soluções para essa realidade em ritmo de urgência.

Após as discussões, ficou acordado entre os representantes dos órgãos e o Ministério Público que o DER-PI fornecerá à instituição ministerial o projeto de duplicação da BR-343, além de realizar a desobstrução de bueiros na rodovia. A PMT encaminhará à 30ª PJ de Teresina, no prazo de 10 dias, a proposta da Bacia de Detenção nas passagens da água nas Avenidas Mirtes Melão e Joaquim Nelson. O DNIT deverá concluir a realização de obras de emergência na BR-343 no trecho 342.2, com soluções para passagem, detenção e dissipação das águas decorrentes das chuvas. No próximo dia 27 de abril acontecerá nova audiência.  

 

Veja Também

Mãe de criança autista consegue isenção de IPI mesmo recebendo benefício do INSS

Para o magistrado, o veículo é extremamente necessário para o transporte da criança para realizar …