http://bit.ly/aFORÇAdoEMPREENDEDOR

Diretor diz que população pode ajudar a reduzir gastos com saúde

Ao participar do Seminário Pensar Piauí Prosperidade Agora na Assembleia Legislativa, o diretor do Hospital de Urgência de Teresina, médico Gilberto Albuquerque, disse que a população pode ajudar a reduzir os gastos com o atendimento de milhares de pessoas que procuram diariamente o HUT. Ele afirmou que os gastos mensais do hospital chegam a R$ 15 milhões e que um grande volume de recursos poderá ser economizado porque 92% dos atendimentos são de vítimas de acidentes de motocicletas que poderiam ser evitados.

Gilberto Albuquerque afirmou que o Governo Federal concede somente R$ 2 milhões para a realização dos atendimentos no HUT, enquanto os recursos provenientes do Governo do Estado chegam a R$ 1,5 milhão e a Prefeitura de Teresina contribui com quase R$ 12 milhões. No total, segundo ele, os gastos anuais totalizam mais de R$ 120 milhões.

“O que impressiona é que esses gastos poderiam ser reduzidos drasticamente, bastando que os motociclistas deixem de andar em alta velocidade em seus veículos, utilizem equipamentos de segurança, como o capacete, não usem o celular e nem bebidas alcoólicas quando estiverem pilotando suas motos. Com isso, o grande número de acidentes sofrerá uma queda e haverá menor número de vítimas procurando o HUT”, assinalou ele.

Gilberto Albuquerque disse que a maioria das vítimas de acidentes de motos tem idade entre 20 e 40 anos e que a realização de campanhas educativas é de grande importância para reduzir o grande número de acidentados. Ele frisou que “as doenças cardiovasculares são outra causa de muitos atendimentos e basta que as pessoas reduzam o consumo de cigarro e álcool e diminuam o peso para que sejam menores os gastos com o tratamento de pacientes com essas doenças”.

Fonte: Ascom

Veja Também

Ministério da Saúde libera cloroquina para todos os pacientes com covid-19

Ministro da Saúde interino, o general Eduardo Pazuello, autorizou prescrição do medicamento, que não tem …