sexta-feira , fevereiro 21 2020
http://bit.ly/aFORÇAdoEMPREENDEDOR

Banco Popular lança novas condições para pequenos empreendedores em 2020

O Banco Popular de Teresina (BP) é um órgão vinculado à Secretaria Municipal de Economia Solidária (Semest) e proporciona aos pequenos empreendedores, sobretudo aos de natureza solidária, o acesso ao microcrédito. No dia 18 de fevereiro, às 8h30, no auditório do SEBRAE, haverá o lançamento das novas linhas de crédito para 2020. A previsão é que participem do evento cerca de 300 empreendedores.

O órgão busca ainda contribuir para a elevação do nível de renda e geração de trabalho para a população de baixa renda de Teresina. São empreendedores de várias áreas ligados à economia solidária e criativa, como artesãos que trabalham com arte santeira, bordados, bonecas e outros. Somente em 2019, o banco emprestou R$ 2,4 milhões. No total foram atendidos 871 empreendimentos.

Além do lançamento dos novos valores e prazos das linhas de créditos do banco, haverá uma palestra sobre Empreendedorismo com o vereador e secretário da Semest, Ricardo Bandeira. Ele fala um pouco também sobre a importância do trabalho com o banco. “Ser responsável pelo Banco Popular é uma missão muito bonita, pois através dele nós conseguimos fomentar o empreendedorismo e ver o crescimento desses pequenos empreendedores em diversas áreas na nossa cidade, é bastante gratificante. Em 2020 vamos aumentar ainda mais as oportunidades para que nosso resultado final continue sendo melhorar a vida do cidadão teresinense”, concluiu o secretário.

Para fazer um empréstimo no Banco Popular é preciso se dirigir até ao Banco portando cópias e originais do RG, CPF, dados bancários, comprovante de endereço e comprovação da atividade que desenvolve. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 8 às 12h, na Av. Campos Sales, Nº 1292, Centro/Norte.

Veja Também

Empresas são condenadas após induzirem funcionários a entrarem na Justiça para obter dinheiro de rescisão

Quatorze empresas de um mesmo grupo econômico foram condenadas por dano moral coletivo pela prática …