Piauí confirma primeira morte por Febre do Nilo Ocidental no Brasil

A febre do Nilo Ocidental é uma infecção causada por um vírus e transmitida por meio da picada de mosquitos comuns, principalmente do gênero Culex. A doença é originária do Egito, norte da África, e cerca de 80% dos casos em humanos não apresentam sintomas. Em 20% dos casos, há sintomas semelhantes aos da gripe, como febre, fadiga, dores de cabeça, nos músculos ou articulações. Mas em menos de 1% dos humanos infectados ficam gravemente doentes, sendo que a maioria dos casos graves acomete idosos.

Uma paciente morreu em decorrência da Febre do Nilo Ocidental em Piripiri (a 180 km de Teresina), devido a evolução da doença. A morte ocorreu em 2017, mas foi confirmada somente agora, pela Secretaria Estadual de Saúde. O estado já registrou três confirmações da doença, mas é a primeira morte registrada em laboratório.

Veja Também

Os desafios da ButanVac, que vai usar 20 milhões de ovos de galinha para produzir 40 milhões de vacinas

Produção de imunizante nacional tem tecnologia barata já usada com sucesso na fabricação da vacina …