Congresso debate uso das tecnologias no cenário jurídico

Debatendo sobre questões jurídicas e o uso das tecnologias pela atual sociedade, a Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, por meio da Comissão de Direito Digital e a Coordenação de Pós-Graduação da Estácio Teresina promoveram o I Congresso Piauiense de Direito Digital, que ocorreu no auditório do TJ-PI e reuniu profissionais da área.

Durante a abertura do evento, o presidente da OAB-PI, Chico Lucas, agradeceu a parceria om a Faculdade Estácio-CEUT e a organização da equipe envolvida, além de ressaltar a importância do debate para a sociedade piauiense.

“Espero que esse Congresso seja o primeiro de muitos. Essa área do Direito Digital corresponde a uma nova área do conhecimento e um no campo profissional que precisa ser descoberto. Nosso Estado encontra-se atrasado quando falamos em tecnologias. Cabe a nós jovens enfrentarmos essa dilema para contribuir com o desenvolvimento tecnológico no Piauí”, declarou.

O coordenador e palestrante do Congresso, Professor Raimundo Cunha Neto também agradeceu o envolvimento dos parceiros que abraçam a causa. Fico feliz em ver esse projeto efetivado. Precisamos debater sobre o assunto e só foi possível com as parcerias em questão.

Na oportunidade, o presidente e o vice-presidente da CDD, Alan Carvalho e Eduardo Tobler, respectivamente, lançaram a Cartilha “Combate ao Ciberbulyng” e da obra “Informática Forense”.

Temas como “Fake News e o impacto nas eleições”, “Crimes Virtuais e Violência de Gênero”, “Marco Civil da internet”, “O Direito e a Inteligência Artificial”, dentre outros, integraram a programação do Congresso, que aconteceu em dois dias.

Fonte: Ascom

Veja Também

MEC divulga resultado prévio da avaliação de livros didáticos

Em 2019, o programa distribuiu 126 milhões de exemplares O Ministério da Educação (MEC) divulgou …