Centenário reuniu autoridades e intelectuais da Academia Piauiense de Letras no Senado

Em comemoração ao centenário da Academia Piauiense de Letras, a vice-governadora Margarete Coelho, representando o Governo do Estado do Piauí, participou, de sessão solene que homenageou a entidade. A requisição para a homenagem solene foi do senador Elmano Férrer e do deputado federal Paes Landim.

“A APL está à frente do seu tempo preparando o leitor do futuro. Foi uma sessão muito bonita em comemoração a uma das academias mais importantes do Brasil. A APL foi vanguardista e continua sendo, produzindo, se renovando, se repaginando e agora também com obras na internet. Enfim, nós temos uma academia que é presente em nossa vida e que tem a história muito ligada com a do nosso estado”, declarou Margarete.

Diante da homenagem, o presidente da APL, Nelson Nery Costa, destacou a relevância da entidade. “Uma iniciativa importante em reconhecer uma instituição que conseguiu não só chegar a 100 anos, mas chegou cheia de vida, com plano editorial, participação na criação de um museu e é motivo de orgulho para o Piauí, ainda mais com essa sessão, na corte alta do Legislativo, aqui no Senado Federal. Para nós é um motivo de orgulho e, evidentemente, sensação de reconhecimento da sociedade brasileira de tal evento que é esse centenário”, ressaltou Nelson.

O senador Elmano Férrer, em seu discurso, fez um retrospecto da história da academia e agradeceu pela oportunidade da homenagem. “Agradeço ao Congresso Nacional por essa bela e justa homenagem e a toda a APL por esse trabalho em prol da nossa cultura”, destacou o parlamentar.

Na oportunidade, as autoridades que fizeram uso da tribuna prestaram homenagem ao imortal e grande piauiense Herculano de Moraes, uma das figuras mais destacadas e atuantes no meio cultural, um dos intelectuais mais lidos no estado, por seu falecimento semana passada. O autor de obras importantes para o Piauí era ocupante da cadeira de número 18 na academia.

Veja Também

Moraes pede que PGR se manifeste após Bolsonaro desistir de depor

Ministro do STF também determinou a prorrogação por mais 60 dias do inquérito que apura acusação …