600 advogados piauienses já foram qualificados para trabalhar com o sistema Pje

Entre 2016 e 2017 mais de 600 advogados receberam essa qualificação que é disponibilizada pela Caapi (Caixa de Assistência dos Advogados do Piauí). A procura é tão grande que até cursos on line estão sendo ofertados para atender a todas as necessidades.

Em resumo, Processo Judicial Eletrônico é um sistema de tramitação de processos judiciais cujo objetivo é atender às necessidades dos diversos segmentos do Poder Judiciário brasileiro (Justiça Militar da União e dos Estados, Justiça do Trabalho e Justiça Comum, Federal e Estadual).

O projeto é resultado da união de requisitos definidos pela Justiça Federal com as revisões empreendidas no âmbito do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) a fim de assegurar a possibilidade de utilização nos diversos segmentos. É um software que permite o acompanhamento do processo judicial, independentemente de o processo tramitar na Justiça Federal, na Justiça dos Estados, na Justiça Militar dos Estados e na Justiça do Trabalho.

“São inúmeros os programas de peticionamento eletrônico. A Justiça Federal tem um, a Justiça do Estado outro, tem o INSS Digital, enfim, são muitos. O advogado tem que saber usar. Nesse sentido, temos oferecido na sede da OAB/PI esses cursos onde o advogado pode fazer seu agendamento. Para o Pje, as aulas são as terças e quintas feiras, e para o INSS Digital, temos cursos segundas e quartas feiras. A procura grande, as turmas são fechadas sempre”, disse Rafael Orsano, presidente da Caapi.

Esses cursos também acontecem presencialmente em Parnaíba e também foram estendidas ações por meio de caravanas em diversas outras cidades do estado, para beneficiar advogados do interior.

Como a procura é maior que a oferta, a Caixa dos Advogados do Piauí resolveu investir em cursos on line para atender o maior número possível de advogados. Basta entrar no site da Caapi, fazer o login utilizando o CPF, data de nascimento, e o número da Carteira da OAB para fazer o curso, com direito a certificado.

“É o mesmo curso que ofertamos presencialmente, com o mesmo professor, só que através do ensino a distância, usando essa ferramenta que facilita a nossa vida que é a internet”, disse, acrescentando que a tecnologia não pode ser um complicador para os profissionais que estão no mercado. “Estamos aqui para fazer essa qualificação”, finalizou.

Veja Também

Aumente sua empregabilidade com atitudes simples, mas que fazem a diferença na carreira

  O coronavírus trouxe para o país um clima tenso não só para área da …